Terça-feira, 4 de Março de 2014

Terceiro complemento a O sobrecompensatório na mulher

Terceiro complemento a O sobrecompensatório na mulher

 

Sendo este artigo baseado em O sobrecompensatório na mulher ( Resende, 2012 ), destaca-se, nesse artigo, a importância da influência da inveja do pénis, e suas sobrecompensações fálicas respectivas, que caracterizam a mulher em geral, no comportamento habitual da mesma.

 

Ora, para além dos exemplos referidos nesse artigo, e nos seus posteriores complementos, Pequeno complemento a O sobrecompensatório na mulher ( Resende, 2013 ) e Segundo complemento a O sobrecompensatório na mulher ( Resende, 2014 ), realça-se agora a utilização sobrecompensatória da saia, no sentido de a mesma ser volumosa, tendo nós o exemplo paradigmático do vestido de casamento. Considere-se que neste vestido ocorre amiúde a preferência por saias volumosas, em que temos, por exemplo, os folhos a representarem os lábios vaginais, o que apoia a noção da saia volumosa enquanto sobrecompensação fálica. Tendo nós presente que, historicamente, o casamento da mulher é suposto ser o dia dela, no sentido de destacar-se, em particular, em relação a outras mulheres, temos que esse dia, em que há a suposta união para toda a vida, representa algo muito próprio dessa mesma mulher, em que se destaca a indumentária relacionada com a inveja do pénis, e suas sobrecompensações fálicas. Também historicamente, estas características são um contraponto a comportamentos do homem, que se relacionarão, de algum modo, com estas mesmas sobrecompensações fálicas, como o expansionismo imperialista. Em A inveja do pénis e a inveja do clitóris e suas implicações políticas ( Resende, 2010 ), refiro-me efectivamente à relação entre inveja do pénis e expansionismo militarista imperialista, em que dir-se-à que na saia volumosa da mulher, típica da mesma, como, por exemplo, nos séculos XVII, XVIII, etc., temos um símbolo representativo das tendências expansionistas de uma sociedade, relacionadas com sobrecompensações fálicas derivadas da inveja do pénis, relacionando-se isto com, por exemplo, as tendências colonialistas historicamente associadas a várias nações europeias, em que a saia surge como uma sobrecompensação em relação às pernas da mulher, em que está implícita uma diminuição narcísica, um sentimento de inferioridade narcísica, já que o expansionismo terá sido feito por homens. É como se a saia fosse uma extensão do corpo enquanto falo, mesmo uma extensão das pernas enquanto falos, tendo nós, pois, esta extensão relacionada com os aspectos expansionistas.

 

Tendo nós também ao nível fálico, o exibicionismo, mas principalmente a ambição, é de notar importantemente que historicamente ocorreu uma associação evolutiva entre emancipação da mulher, particularmente a nível laboral, e a passagem do vestir típico da saia volumosa para menor volume da mesma, e para a utilização habitual de calças.

 

Ora, considerando a habitual tendência dominadora dos homens nas sociedades, particularmente ocidentais, teremos a noção que aquele evoluir da indumentária da mulher, terá tido, para ocorrer, uma aprovação importante por parte dos homens, em que podemos dar o exemplo da canção cantada por Shania Twain, em que ela diz, dirigindo-se às mulheres, “ Man shortened your skirts “, com referência particular para as mini-saias.

 

Estas considerações terão implicações ao nível do mundo laboral, relacionadas com a integração e ascensão a lugares de chefia por parte das mulheres, em que dir-se-à que ao nível da indumentária, pelo já dito, a mulher para melhor se integrar e ascender, deverá utilizar saias, particularmente volumosas, já que a utilização de calças relaciona-se historicamente, e precisamente, com maior integração laboral, ao nível emancipatório. Ou seja, as calças implicam maior caminho já percorrido, e isso, de alguma forma, diminui a ambição e a necessidade de exibicionismo, no sentido de apresentar resultados. Isto considerando, de alguma maneira, que a mulher age o que veste.

 

 

Bibliografia

 

Resende, S. ( 2010 ). A inveja do pénis e a inveja do clitóris e suas implicações políticas em www.redepsi.com.br, na secção Artigos/Teorias e Sistemas no Campo Psi em 15/10/2010

 

--------------- ( 2012 ). O sobrecompensatório na mulher em www.psicologado.com          ( proposto a 12/2012 )

 

--------------- ( 2013 ). Pequeno complemento a O sobrecompensatório na mulher em www.psicologado.com ( proposto a 10/2013 )

 

--------------- ( 2014 ). Segundo complemento a O sobrecompensatório na mulher em www.psicologado.com ( proposto a 01/2014 )

publicado por sergioresende às 16:18
link | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. Complemento a Etologia e ...

. Anima e Animus: conquista...

. Teoria do Tudo em Psicolo...

. Exopsicologia e obesidade...

. Perspectivas evolutivas d...

. A internalização da lei d...

. Complemento a O palhaço d...

. Complemento a Inteligênci...

. Generosidade fálica na mu...

. Exopsicologia e ascensão ...

.arquivos

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Janeiro 2015

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Março 2008

. Dezembro 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds